Ribeirão prepara Plano Municipal de Saúde

By 5 de junho de 2018Municípios

A Secretaria da Saúde de Ribeirão Preto promoverá audiência pública para discutir com a população o Plano Municipal de Saúde (PMS) 2018-2021, documento central de planejamento com diretrizes e objetivos que nortearão a gestão na área da saúde nos próximos quatro anos. Além de conhecer o Plano Municipal de Saúde, a população tem a oportunidade de contribuir com o plano e ajudar no desenvolvimento e aperfeiçoamento da saúde pública da cidade. O secretário municipal da Saúde, Sandro Scarpelini, explica que é fundamental dar ampla divulgação e transparência nas propostas. “A população precisa conhecer o documento, opinar, apontar carências, dar sugestões para que possamos, juntos, elevar o nível da saúde pública oferecida às pessoas da cidade a patamares de países de primeiro mundo”.

Base

O documento tem como base a análise do perfil demográfico, epidemiológico e sanitário da população ribeirão-pretana, do Relatório da IX Conferência Municipal de Saúde, dos projetos prioritários das Redes de Atenção à Saúde, do diagnóstico realizado pelos gestores e propostas do Plano de Governo para a saúde da gestão entre 2017 e 2020. O PMS norteia todas as ações para o cumprimento dos preceitos do SUS na esfera municipal, coerentes e devidamente expressadas nas Programações Anuais de Saúde (PAS), tendo seus resultados avaliados nos Relatórios Anuais de Gestão (RAG) com a participação e controle da comunidade a partir do Conselho Municipal de Saúde e da realização das Conferências Municipais de Saúde. Também orienta a definição do Plano Plurianual (PPA), Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e a Lei Orçamentária Anual (LOA), consolidando-se como fundamental instrumento de planejamento. O Plano de Saúde configura-se como base para a execução, o acompanhamento, a avaliação da gestão do sistema de saúde e contempla todas as áreas da atenção à saúde, de modo a garantir a integralidade dessa atenção. O PMS é um instrumento de gestão dinâmico, sendo revisto a cada ano na PAS, em conformidade com as necessidades indicadas no monitoramento e avaliações expostas no RAG.

Leave a Reply