Natal busca eficiência energética

By 11 de outubro de 2018Municípios

A prefeitura de Natal vai adotar um sistema de eficiência energética desenvolvido pela Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur) para reduzir os custos com energia elétrica em seus 28 órgãos e 1.800 unidades descentralizadas.

O Projeto “Eficiência Energética: Natal, cidade responsável e humana” objetiva adequar o uso de energia de maneira sustentável e que traga redução de custos aos cofres do município já no seu primeiro mês de implantação.

O projeto é dividido em quatro fases. A primeira prevê ajustes técnicos no uso de energia elétrica em cada órgão. Uma vez implantada, as secretarias irão atuar de forma que evitem pagar excedentes à concessionária de energia. Esta etapa pode proporcionar uma redução média de custos de 10%.

LEDs

A substituição das lâmpadas utilizadas atualmente pelo município pelas de LED será a segunda fase do projeto. Além de ser mais eficiente comparada à tecnologia fluorescente, os dispositivos de LED usados em um regime de oito horas diárias – período de expediente – tem vida útil de 17 anos. Isso proporcionaria uma economia de 20% dos custos.

A terceira fase do projeto é atualizar os equipamentos de refrigeração para aparelhos de baixo consumo. Atualmente 2/3 dos ares-condicionados são feitos por aparelhos que geram excedente dos valores pagos em energia. Adotando esta fase, o município teria uma economia de 30%.

A quarta fase proposta é a implementação da energia fotovoltaica. Por se tratar de um método sustentável, ao ser adotado, o município poderá alcançar uma redução de 95% nos custos. Além disso, o excedente de energia de um órgão poderá ser utilizado em outro, de maneira que haja uma integração energética no Executivo Municipal.

A primeira experiência do município com energia sustentável já está em tramitação para implantação. Trata-se do Mercado Modelo das Rocas que terá um sistema de reaproveitamento de energia solar. Atualmente a Secretaria Municipal de Serviços Urbanos está com processo licitatório em andamento para a implementação da energia fotovoltaica no local.

Leave a Reply